• Carrinho Vazio.
Finalizar
Subtotal: R$0,00

Serviços

Foram através dos atendimentos em grupos que as constelações começaram a ser conhecidas. Bert Hellinger, promovia workshops onde os clientes traziam suas questões e então todos participavam. Nesses grupos muito foi observado, desenvolvido, disponibilizado.

 

O atendimento em grupo se desenvolve da seguinte forma:

  • o cliente, que trás sua questão, seu tema, que quer buscar uma compreensão do seu processo;
  • o constelador, que vai acompanhar e fazer intervenções, oferecer movimentos, frases.
  • representantes que são escolhidos pelo cliente ou pelo constelador ou se inserem na constelação voluntariamente. Os representantes são pessoas que vem para o grupo para aprender, conhecer e também se trabalhar pessoalmente.

Ao se colocar uma constelação o constelador solicita ao cliente que escolha uma pessoa para o representar, uma pessoa pra representar sua questão e os demais que forem necessários para o inicio do processo. Após essa primeira colocação se observa os movimentos que vão surgindo, como que cada representante interage com os demais e se houver necessidade se insere mais representantes.

 

O tema pode ser colocado aberto para todos os participantes(formato mais frequente) ou ser oculto, onde apenas o cliente e o constelador sabem do que se trata. As vezes quando se trata de uma questão organizacional onde os funcionários e o corpo executivo se fazem presentes seja necessário trazer o tema de forma oculta.

 

Os temas podem ser questões de sintomas, saúde, de relacionamentos, tomadas de decisão, profissionais e que estão conectados diretamente ao cliente e ao seu arbítrio.

 

Os pais podem participar de constelações em grupo junto com seus filhos e nos temas que os filhos trazem, o inverso não é aplicado, pois como filhos, já absorvemos dinâmicas familiares e ao participar dos temas trazidos pelos nossos pais poderemos nos vincular ainda mais e ainda os deixar mais vulneráveis no seu lugar de pais.

 

No tempo todo o constelador acompanha o cliente, a constelação faz sentido? Traz novas imagens? E as vezes o cliente também é colocado no seu processo e faz movimentos junto com os representantes.

 

O que diferencia o atendimento em grupo do atendimento individual é que no primeiro o cliente “trabalha” menos, ou seja, observa os movimentos que os representantes trazem, e no segundo, o cliente entra nas representações, se coloca no processo o tempo todo, “trabalha” mais.

 

“Quem não quer se expor, não quer olhar para a solução!” (Bert Hellinger)

“Até você se tornar consciente, o inconsciente irá dirigir sua vida e você vai chamar isso de destino.” (Jung)

 

Quando buscamos algo que possa nos trazer mais conhecimentos, que possa nos conduzir para novas descobertas, já iniciamos nosso caminho, pois nos sentimos inquietos no saber atual, não nos satisfaz, muitas perguntas surgem, os movimentos cessam.

 

Se você chegou até aqui é por que já está no caminho da mudança, num novo salto de auto conhecimento e desenvolvimento, um ciclo de construção de respostas e compreensões.

ABORDAGEM SISTÊMICA APLICADA ÀS CIÊNCIAS JURÍDICAS

 

“O Direito é o jarro – o conhecimento sistêmico é a água! O primeiro trás a estrutura e serve ao propósito do segundo de servir, de saciar!” (Dr Carlos Eduardo de Campos Borges)

 

Se trata de ampliar o olhar para os aspectos jurídicos compreendendo as dinâmicas sistêmicas que o compõem e vinculam, e onde existe vinculo, existe repetição. É unir o que estava separado promovendo a liberação das partes, tanto dos operadores do direito, quanto dos clientes. É viver com saúde mental e emocional. Podemos entender os emaranhamentos sistêmicos dos clientes, sem entrar neles, sair do conflito, oferecer novas perspectivas.

 

ABORDAGEM SISTÊMICA APLICADA À EDUCAÇÃO

 

O primeiro contato da criança com o mundo externo é a escola, que tem a função de ensinar, conviver, se relacionar. Essa responsabilidade pelo transmitir e preparar para a vida leva a instituição escolar a assumir o papel dos pais dos alunos, sobrecarregando essa relação.

 

A pedagogia sistêmica surge para auxiliar nas questões de dificuldades de aprendizagem, conflitos, evasão escolar, bullyng, e proporcionar que todos fiquem “apenas” no seu lugar, professor é professor, escola é escola, e os pais dos alunos são os pais certos para eles.

 

A criança aprende quando ela sente que seus pais são respeitados exatamente do jeito que são.

 

ABORDAGEM SISTÊMICA APLICADA A CLÍNICA TERAPÊUTICA E À SAÚDE

 

“Os sintomas são uma benção!” (Dr Renato Bertate)

 

As doenças e os sintomas nos conduzem a olhar para “o que” ou “a quem” estamos conectados, quais são as lealdades, que ganhos se obtem, quando abrimos mão da saúde.

 

Quais são as doenças sistêmicas, transgeracionais, compreendendo o amor que cura e o amor que adoece.

 

Como cuidar do cuidador?

A constelação faz parte da Abordagem sistêmica fenomenológica desenvolvida por Bert Hellinger. É uma abordagem filosófica que tras compreensão sobre as relações humanas e seus contextos. Quando a entendemos a vivenciamos naturalmente, integramos no nosso agir e pensar. E as constelações são utilizadas para olharmos para uma questão especifica trazida pelo cliente. É estruturada da seguinte forma:

 

  • Cliente
  • Constelador
  • Representantes
  • Âncoras de solo

São aplicadas nas questões pessoais, tomadas de decisão, profissionais, empresariais e nas questões jurídicas.

 

Podem ser realizadas no atendimento individual (constelador e cliente apenas) ou no atendimento em grupo (com a presença de outras pessoas para serem representantes)

 

Entendemos como fenomenológica quando a partir da colocação da questão pelo cliente observamos os movimentos que surgem entre as representações, as frases oferecidas e as intervenções apresentadas. Todo o processo é único pois se trata do sistema pessoal do cliente.

 

Enquanto pessoas pertencemos a um sistema familiar regido pelas 03 Leis sistêmicas:

 

– Pertencimento – Equilibrio de dar e receber/troca – Ordem e Hierarquia.

 

E quando uma dessas leis é violada todo o sistema é afetado. As doenças, vícios, abandonos, falências, suicídios, assassinatos, divórcios, e tantos outros sintomas e dinâmicas estão conectados a exclusões, lealdades, amor cego, amor que adoece. Ao colocar uma constelação entramos em contato com aquilo que estava separado e deseja ser restaurado, visto e honrado. Trazemos uma nova imagem e nos liberamos para fluir na vida. Evidentemente nos fortalecemos e passamos a lidar com os desafios de forma mais adulta e consciente, sem precisar adoecer.

 As empresas são organismos vivos que também trazem dinâmicas e processos que por vezes travam o seu desenvolvimento.

 

Como entender a alta rotatividade dos funcionários? Falências, roubos, sociedades mal sucedidas, produtos que não prosperam, sucessões familiares, hierarquias e conflitos de gestão?

 

Com a consultoria sistêmica percorremos o caminho para a solução, para as possibilidades que a organização serve e busca alcançar em todo seu potencial. Olhamos para o coletivo, a comunidade e seu propósito.

 

Pode ser realizada em local próprio ou local externo à empresa. Pode ter a participação apenas do empresário, gestor ou da equipe.

 

Após a primeira entrevista de diagnóstico é apresentado projeto de execução e sua etapas, de acordo com a necessidade da instituição.

Sempre ouvimos dizer que as crianças são o futuro de uma nação. Então vamos olhar para aqueles que contribuem para a formação dessas crianças, que as ensinam, preparam para o futuro?

 

A pedagogia sistêmica é a ponte que une família e escola, pais e professores. O processo de ensino e aprendizagem só é bem sucedido quando todos se sentem partes, os pais como legítimos pais, exatamente como são, a escola como meio de convivência social, e os professores sendo apenas os professores.

 

Quando um desses agentes não são respeitados ou não tem lugar, a criança, o aluno, também sai do lugar. Presenciamos alunos sendo tiranos de seus professores, professores sendo pais dos alunos, pais que transferem seu papel para a escola, e todos saem perdendo.

 

Na pedagogia sistêmica trabalhamos com recursos voltados para a solução. Não se faz terapia no ambiente escolar, e sim se proporciona vivencias que permitem a todos terem forças para seguir adiante apesar das experiencias pessoais e familiares. Se trata de se fortalecer as forças e enfraquecer as fraquezas.

A razão de ser da Editora Oca é disponibilizar e tornar acessível autores com conteúdos sistêmicos na construção do saber, ser e fazer.

Nosso primeiro livro traduzido e editado foi do constelador e psicólogo Dan Booth Cohen é baseado em sua tese de doutorado e no trabalho de cinco anos com condenados à prisão perpétua do Centro Correcional de Bay State, em Massachusetts, EUA. O livro “Levo seu coração no meu coração” nos conduz a olhar para as vidas ceifadas pela violência pagas pelo custo da liberdade, a entender que a um dano causado, existe consequências, e que a dignidade humana pode ser restaurada quando compreendidos os processos que foram tomados a serviço.

Clique para comprar

Role para cima